A vida anda enroladíssima. Família me exigindo como nunca atenção. Trabalho à todo vapor e em duas ou três frentes por dia. Saúde que anda capengando pelo excesso de trabalho e falta de férias, e os fins de semana tomados com rotina das crianças e relatórios que preciso fazer sobre uma empreitada grande que vai virar post já já.

Passou o tempo e quando vi, um acúmulo de trabalhos para mim mesma, atrasos. Sim, tenho mil planilhas de controle mensais para preencher, de tudo. Esta foi a única forma que encontrei de me organizar financeiramente, pessoalmente e profissionalmente.Sem contar minhas pendências de dona de casa e mais dois blogs para alimentar. Então a hora é agora!! Ligada no 220!

Mas vamos ao que interessa dentro da minha proposta nesse blog???? São muitos posts atrasados. Eu lá dobrando roupa na casa do cliente e pensando, “hummmmmmmmmmmm isso aqui dá um bom post”. Então, chegou a vez!

Mais uma vez ela veio por indicação. Aliás, uma senhora indicação! Aliás, um casal, diretores de novela de uma super emissora. Durante anos compraram o serviço de organização de uma outra empresa e não me perguntem porque cargas d´água resolveram experimentar algo novo. Pensei várias vezes antes de perguntar. E eu que não sou curiosa, fiquei, porque a empresa anterior era muito boa e bem conhecida e recomendada aqui no RJ. Mas não me senti à vontade para levantar essa questão. Enfim, vamos morrer na curiosidade. Além de tudo, ela resolveu também experimentar uma nova empresa de arquitetura e escolheu logo quem? A empresa de uma amiga querida e de grande conhecimento e bom gosto absurdo! Como dizem por aí: LACROU! Era tudo o que precisava, porque em contato com o arquiteto que fará o projeto temos um mundo de possibilidades para sugerir uma marcenaria e demais recursos que ajudassem a família na melhor distribuição das coisas. Assim aconteceu!

Voltando, ela chegou até nós por uma maravilhosa indicação. É total o nosso perfil de cliente. Não tô falando pelo padrão financeiro somente e sim pelo perfil mesmo, descolada, casa linda, bem resolvida, sabe o que quer, ainda que leve um titico de tempo para resolver, mas quando decide, sai de baixo! Amo trabalhar com gente assim! Gente que me deixa produzir, ainda que faça mil recomendações. Mas gente que gosta do “novo”, de experimentar novidades e que aceita sugestões. Bom demais!

Bem, o BRIEFING… era um apezão linear com quatro suítes, cozinha, área de serviço e muitos livros para organizar. Ela ia viajar, filhotas estariam fora. Conosco, um dog lindim e uma assistente fofa e que sabia tudo da família e que, diga-se de passagem, foi uma mão na roda!

EQUIPE formada por 3 meninas queridas. Duas assistentes e uma estagiaria que caiu no nosso colo, e não sei porque, eu que sou contra estágios, resolvi abraçá-la e dar essa chance. Mas valeu! Menina de ouro! E elas tiveram que meter a cara juntas porque eu estive muito ausente atendendo sozinha demais clientes, como manutenção, fixos e empreitadas de fotografias que tem sido muitas. Aff! Coisa de doido!

Começamos pela suíte do casal, com muitos armários e dois banheiros. Não era de todo perdida não, encontramos muitos recursos ao longo desse espaço. Caixas, organizadores, nichos, tudo pra favorecer o trabalho. Mas não contávamos com ela ao nosso lado para fazer triagem nas roupas e era uma cliente nova, muito arriscado fazer isso sem ela por perto. Eu sinceramente não gosto quando o cliente não participa. Só restou guardar tudo, da melhor forma possível. Muita roupa, muito acessório, muito sapato, muita toalha, enfim, tudo muito! E do lado dele, meia que não acabava mais!
Banheiros com muita coisa para verificar e criar uma lógica na organização. Dois dias e meio de dedicação para este espaço.

A caçula dorme no quarto do ladinho. Minimalista total. Uma reestruturação no armário permitiu uma porta com pegboard para as bijus lindinhas e ainda criou um espaço para as roupas de cama. Ideias da Rafa, sua linda, arquiteta da Garimporio, nossa parceira querida!

A mais velha, sonha em trabalhar com moda, e já trilha esse caminho. Já imaginou a quantidade de roupas no armário, né? E não era só muita roupa. Muita bijuteria e acessórios. Olha, esse cômodo foi o mais confuso pois enquanto a gente organizava, a equipe da Garimporio chegava com a marcenaria e fazia acabamentos no espaço. Foi uma doideira. No final das contas, jogamos a toalha, deixamos a equipe de arquitetura completar as tarefas dela, e adiamos para mais uns dias a finalização desse espaço. Vou te falar viu? Três pessoas pra dar conta desse espaço e foi pouco!

1006

img_6799

E a cozinha e a área? Foi uma operação de guerra. Primeiro que, em colaboração à nossa equipe a cliente interditou a cozinha no dia só pra gente! Ahhhh se todos fossem iguais a vc, que maravilha viveeeeeer! Ainda assim e ainda que a cozinha tivesse muito armário, muito espaço, eram muitas coisas para guardar! Tive que colocar a mão na massa para agilizar o processo já que havia um louceiro dentro da cozinha com tudo junto e misturado e senti que a equipe ficou meio perdida na hora de fazê-lo. Às vezes isso acontece, precisamos tomar a dianteira. Nem sempre dá pra delegar full time. Cada uma abraçou uma causa. Uma ficou na despensa. Outras só nas gavetas e eu com mais uma no louceiro.
A área de serviço, minhas meninas deram conta, com toda orientação possível e muitas caixas para setorizar coisas.

Pensa que acabou??? Nananinanão! E os livros? Muitos, espalhados pela sala que recebeu todo o volume de coisas que estavam nos quartos e precisavam ser esvaziados para receber a marcenaria. Os livros eram muitos, de todos os tipos. E essa empreitada foi só minha!!! Não adiantava ter um exército pra me ajudar se ainda não há um espaço certo para recebê-los. A estante desenhada pela arquiteta e já aprovada vai demorar um tempinho pra ficar pronta. Mas adiantamos um bocado! Separamos os livros por tema e ela aproveitou para descartar o que não interessava mais. Todos eles estão lá, bonitinhos, separados com marcador em cima com o tema e toda a família proibida de tocar neles até segunda ordem rs.

Bem, acredito que novas empreitadas virão por aí! Mas ainda que não aconteça, é uma família que ficou na nossa história pela gentileza, seriedade com a qual encarou nosso trabalho e pela cooperação. Ah e mais, valorizamos nível máximo o cliente que respeita o nosso trabalho, nos deixa trabalhar e valoriza mais ainda o dinheiro investido! Pra mim, é o que há de melhor, cliente Mastercard total!

Beijos da menina do AO

Compartilhe com os amigos